Tradutor, selecione o idioma:

segunda-feira, 7 de julho de 2014

Precisamos de pais reais!


A importância dos pais é vista no papel dado a eles por Deus no núcleo familiar. Várias observações podem ser vistas no ensinamento de Paulo sobre os relacionamentos conjugais e de pai e filho (Efésios 5:22-6:4). 

Primeiro, o marido, como o cabeça da esposa, deve ser o líder da família. Isto não quer dizer que os desejos e as necessidades da mulher devem ser ignorados. Ele deve amar a sua esposa, ou seja, agir de acordo com os melhores interesses dela (Efésios 5:25-29). Para liderar sem dominar é uma tarefa difícil. É de se admirar que Paulo manda os maridos amarem as suas esposas ao invés de “forçá-las a submissão”.

Segundo, os pais são responsáveis por ensinar os filhos de acordo com os mandamentos do Senhor (Efésios 6:4). Não devem “provocar os filhos à ira”. Os pais devem ser razoáveis nas suas exigências aos seus filhos; exigências não razoáveis criam a raiva e a rebelião. Ao mesmo tempo, os pais devem ser corajosos o suficiente para manter o padrão bíblico da moralidade em seus lares, mesmo se isso torna necessária a disciplina corporal de crianças pequenas (Provérbios 13:24; 19:18; 23:13-14).

As nossas famílias precisam de pais. Pais reais. Não apenas alguém que possa trazer para casa um salário (apesar disto vejam 1 Timóteo 5:8) ou que controla o controle remoto da televisão, mas precisamos de homens que podem habilmente misturar a afeição carinhosa com uma convicção firme a respeito da justiça. 

Precisamos de homens que podem servir como líderes em seus lares mostrando aos seus filhos como serem forte em caráter.

Agradeço a Deus pelos pais verdadeiros!

–por Allen Dvorak


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...